Soja: trégua entre EUA e china deve influenciar mercado brasileiro

Donald Trump anunciou que vai adiar o plano de sobretaxar em 25% cerca de US$ 200 bilhões em produtos chineses.

Por CampoTV
26/02/2019 - 08:13
AGRONEGÓCIO

Foto: Agronegócio

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou no Twitter que vai manter a trégua com a China após “progressos substanciais” obtidos nas reuniões entre representantes dos dois países.

O dia 1º de março marcaria o fim do cessar-fogo e os norte-americanos ameaçavam sobretaxar em 25% cerca de US$ 200 bilhões em produtos do país asiático. Trump não estipulou um novo prazo para que as potências cheguem a um acordo, mas afirma que planeja encontrar o presidente chinês, Xi-Jinping, para negociar.

Para a analista de mercado Daniele Siqueira, o Brasil pode sentir os reflexos deste novo  capítulo da guerra comercial. “Com a China comprando mais soja dos EUA, talvez tenha menos apetite pela produção brasileira em 2019”, diz.

 

Fonte: Canal Rural